ONLINE
1





Partilhe esta Página



Total de visitas: 107691
TRATAMENTOS FACIAIS DE EFICÁCIA
TRATAMENTOS FACIAIS DE EFICÁCIA

 Tudo sobre tratamentos Faciais:

 

 

TRATAMENTOS ESTÉTICOS FACIAIS – A IMPORTÂNCIA DA ADEQUAÇÃO ETÁRIA.

O tratamento estético facial e ideal é sempre aquele recomendado por um profissional especializado que leva em consideração: o problema em questão (quadro dermatológico), o objetivo desejado, características orgânicas e a idade do paciente/cliente. Somente avaliando minuciosamente todos estes detalhes e trabalhando especificamente dentro de um panorama realista será possível atingir um resultado satisfatório.

Em cada fase de vida o organismo funciona dentro de uma dinâmica de metabolismo, reação e resistência – assim como deficiências – logo, os recursos que cada protocolo estético deve utilizar precisam corresponder a essa relação.

Segundo um estudo realizado pelo IBMR/RJ (Núcleo Estética e Cosmetologia) em 2012, os tratamentos mais aplicados pelos profissionais do segmento e com os melhores resultados, vem sendo classificados da seguinte forma:

Grupo 1→ Entre 15 e 20 anos
Grupo 2→ Entre 25 e 30 anos
Grupo 3→ Entre 35 e 45 anos
Grupo 4→ A partir dos 45 anos

• GRUPO 1 – entre 15 e 20 anos
Fase em que os problemas de pele, em geral, surgem em resposta à atividade hormonal intensa e em ajustes dessa.
...

PROBLEMAS COMUNS
...

TRATAMENTOS MAIS APLICADOS
– Limpeza de pele (Inclusive profunda),
– Micro-dermoabrasão,
– Técnica de Alta Frequência, 
– Desincruste, 
– Iontoferese, 
– Peelings.

• GRUPO 2 – entre 25 e 30 anos
Fase complexa, principalmente para a mulher. Agregando à rotina: preocupações da vida diária, fatores psicológicos e emocionais relacionados à chegada da maturidade, início do processo de regressão da oleosidade da pele e de queda na produção de colágeno e elastina.

PROBLEMAS COMUNS
...

TRATAMENTOS MAIS APLICADOS
– Hidratação (Inclusive profunda),
– Máscaras para rejuvenescimento e tensoras,
– Ionização com vitamina C. 

• Grupo 3 – entre 35 e 45 anos
Uma das fases mais complicadas para qualquer mulher (tanto psicológica, quanto estética). É nessa fase que as características relacionados ao envelhecimento da pele se tornam mais evidentes, normalmente ela fica mais seca e como a produção de elastina e colágeno já está comprometida a perda da elasticidade, tônus e brilho da pele é real. 

PROBLEMAS COMUNS
...

TRATAMENTOS MAIS APLICADOS
– Drenagem linfática facial,
– Máscaras rejuvenescedoras (argila, porcelana, ácido bio-hialurônico, giseng e ouro),
– Peelings (diamante e outros),
– Técnicas de radiofrequência, luz intensa pulsada e pixel (estímulo à produção de colágeno),
– Técnica de rejuvenescimento com o aparelho Accent T XL (atua nas laterais da face deixando suas fibras de colágeno tensas e compactando as células de gordura). 

• Grupo 4 – a partir dos 45 anos
A partir dos 45 anos tudo começa a tomar uma proporção ainda maior no que se relaciona à fisiologia da mulher. O modo como a sua vida foi conduzida se reflete mais claramente, tanto na pele quanto na saúde de uma forma geral. 
...

PROBLEMAS COMUNS
...

TRATAMENTOS MAIS APLICADOS
Manifestações clínicas

As lesões são pequeninas, elevadas, de cor marrom escuro ou pretas, atingindo principalmente a face e o pescoço. São assintomáticas e começam formando pequeninos pontos, do tamanho de uma cabeça de alfinete que crescem progressivamente até cerca de 2 a 5 milímetros de diâmetro. Podem se unir, formando placas maiores.

Novas lesões vão se formando ao longo da vida e, em alguns casos, atingem um grande número, o que provoca considerável prejuízo estético, devido ao aspecto resultante de pele manchada.
Tratamento

O tratamento da dermatose papulosa é simples e traz bons resultados estéticos, quando adequadamente indicado e realizado. Consiste na destruição das lesões, que pode ser obtida através da cauterização química (fotos abaixo), criocirurgia com nitrogênio líquido ou eletrocoagulação.

 

TRATAMENTOS ESTÉTICOS FACIAIS – A IMPORTÂNCIA DA ADEQUAÇÃO ETÁRIA.

O tratamento estético facial e ideal é sempre aquele recomendado por um profissional especializado que leva em consideração: o problema em questão (quadro dermatológico), o objetivo desejado, características orgânicas e a idade do paciente/cliente. Somente avaliando minuciosamente todos estes detalhes e trabalhando especificamente dentro de um panorama realista será possível atingir um resultado satisfatório.

Em cada fase de vida o organismo funciona dentro de uma dinâmica de metabolismo, reação e resistência – assim como deficiências – logo, os recursos que cada protocolo estético deve utilizar precisam corresponder a essa relação.

Segundo um estudo realizado pelo IBMR/RJ (Núcleo Estética e Cosmetologia) em 2012, os tratamentos mais aplicados pelos profissionais do segmento e com os melhores resultados, vem sendo classificados da seguinte forma:

Grupo 1→ Entre 15 e 20 anos
Grupo 2→ Entre 25 e 30 anos
Grupo 3→ Entre 35 e 45 anos
Grupo 4→ A partir dos 45 anos

• GRUPO 1 – entre 15 e 20 anos
Fase em que os problemas de pele, em geral, surgem em resposta à atividade hormonal intensa e em ajustes dessa.
...

PROBLEMAS COMUNS
...

TRATAMENTOS MAIS APLICADOS
– Limpeza de pele (Inclusive profunda),
– Micro-dermoabrasão,
– Técnica de Alta Frequência, 
– Desincruste, 
– Lontoferese, 
– Peelings.

• GRUPO 2 – entre 25 e 30 anos
Fase complexa, principalmente para a mulher. Agregando à rotina: preocupações da vida diária, fatores psicológicos e emocionais relacionados à chegada da maturidade, início do processo de regressão da oleosidade da pele e de queda na produção de colágeno e elastina.

PROBLEMAS COMUNS
...

TRATAMENTOS MAIS APLICADOS
– Hidratação (Inclusive profunda),
– Máscaras para rejuvenescimento e tensoras,
– Ionização com vitamina C. 

• Grupo 3 – entre 35 e 45 anos
Uma das fases mais complicadas para qualquer mulher (tanto psicológica, quanto estética). É nessa fase que as características relacionados ao envelhecimento da pele se tornam mais evidentes, normalmente ela fica mais seca e como a produção de elastina e colágeno já está comprometida a perda da elasticidade, tônus e brilho da pele é real. 

PROBLEMAS COMUNS
...

TRATAMENTOS MAIS APLICADOS
– Drenagem linfática facial,
– Máscaras rejuvenescedoras (argila, porcelana, ácido bio-hialurônico, giseng e ouro),
– Peelings (diamante e outros),
– Técnicas de radiofrequência, luz intensa pulsada e pixel (estímulo à produção de colágeno),
– Técnica de rejuvenescimento com o aparelho Accent T XL (atua nas laterais da face deixando suas fibras de colágeno tensas e compactando as células de gordura). 

• Grupo 4 – a partir dos 45 anos
A partir dos 45 anos tudo começa a tomar uma proporção ainda maior no que se relaciona à fisiologia da mulher. O modo como a sua vida foi conduzida se reflete mais claramente, tanto na pele quanto na saúde de uma forma geral. 
...

PROBLEMAS COMUNS
...

TRATAMENTOS MAIS APLICADOS
Manifestações clínicas

As lesões são pequeninas, elevadas, de cor marrom escuro ou pretas, atingindo principalmente a face e o pescoço. São assintomáticas e começam formando pequeninos pontos, do tamanho de uma cabeça de alfinete que crescem progressivamente até cerca de 2 a 5 milímetros de diâmetro. Podem se unir, formando placas maiores.

Novas lesões vão se formando ao longo da vida e, em alguns casos, atingem um grande número, o que provoca considerável prejuízo estético, devido ao aspecto resultante de pele manchada.
Tratamento

O tratamento da dermatose papulosa é simples e traz bons resultados estéticos, quando adequadamente indicado e realizado. Consiste na destruição das lesões, que pode ser obtida através da cauterização química (fotos abaixo), criocirurgia com nitrogênio líquido ou eletrocoagulação.